Gustavo Gouveia solicita conclusão de cisternas em Salgadinho

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter

Em sua indicação nº 2657/2019, protocolada na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), o deputado estadual Gustavo Gouveia, solicita posicionamento do Governo do Estado sobre a regularização do repasse financeiro à Diocese de Caruaru, para a retomada das obras do projeto de cisternas de placas para a Zona Rural do município de Salgadinho, sob a responsabilidade do Programa Estadual de Apoio ao Pequeno Produtor Rural (ProRural).

O projeto cadastrou cerca de 200 famílias salgadinenses, onde menos de 50% das cisternas previstas foram concluídas, por falta do repasse financeiro do Governo do Estado de Pernambuco à Diocese de Caruaru, parte responsável pelo desenvolvimento da iniciativa, em parceria com o ProRural, descumprindo o instrumento jurídico firmado entre as partes, assinado em 2016 e em atraso há três anos.

“As famílias não podem esperar mais, a situação em Salgadinho está crítica, no distrito de Jucazinho os moradores ficam até 50 dias sem água, por isso precisamos dar continuidade ao projeto com urgência. Esperamos que o Governo do Estado cumpra com o acordo que foi estabelecido e assim possamos construir as demais cisternas no município”, explica o parlamentar, que aguarda um posicionamento dos órgãos responsáveis.

Atualmente, o município encontra-se em circunstância caracterizada como Situação de Emergência, declarada por meio do Decreto Estadual nº 47.737, de 22 de julho de 2019, devido à estiagem, sendo a estratégia de construção de cisternas o único recurso para armazenamento de água para consumo próprio. Além disso, também é utilizada para irrigação de plantações – base da economia local -, e pequenas criações de animais, para o sustento das famílias.

Veja também: